Central Privada de Informação de Crédito( CPIC): APD busca experiência do Banco italiano

Central Privada de Informação de Crédito( CPIC): APD busca experiência do Banco italiano


Com a entrada em funcionamento das  CPIC, a Agência de Protecção de  Dados (APD), enquanto entidade reguladora,  continua  em busca  das melhores práticas para  gestão de  bureau de créditos.


È da responsabilidade do  Banco de Itália a supervisão da  Central de  Registo  de Crédito desde o início dos anos 60 do século passado , o que faz desta instituição uma voz autorizada no que supervisão de  centrais de informação de crédito  diz respeito.


Neste contexto, uma equipa da APD, liderada pelo  seu Administrador  Executivo ,engenheiro Paulo Pedro, trabalha  em solo italiano, onde, desde segunda-feira  (03),  partilha experiência , especialmente relacionadas a modelos de  relatório de crédito , qualidade regulatória ,bem como o quadro   legal  de gestão da Central de Registo de Crédito da Itália e as suas principais características.

 

 Com o mesmo propósito, a equipa da APD   tem a Alemanha  como o próximo destino


O encontro está a ser facilitado pelo IFC- do grupo Banco Mundial- no quadro de um acordo  de cooperação  de três anos, consubstanciado no apoio técnico para  implementação e gestão das CPIC em Angola.


Voltar